jukebox.jpg 

Muita gente tem a impressão de quê quem curte boate não gosta de rock… Pura bobagem! Eu adoro rock and roll!

Acho que house, charme e soul são melodias… Rock é energia! E partindo dessa premissa, preparei uma sequência de pouco mais que 40 minutos com alguns ótimos exemplos de rock decente…

Abrindo uma canção com um solo de inicial guitarra delicioso… Parece bem largada e maravilhosamente despretenciosa. John Cougar Melencamp e JACK AND DIANE são um exemplo de como o rock rural americano era bem melhor que o que tocava por aqui. Uma grande lembrança de 1982… Música pra refletir sobre a vida… Aliás, música SEMPRE é sobre a vida…

A segunda é uma tremenda pancada com todo o vigor de Chrissie Hynde e os Pretenders… MIDDLE OF THE ROAD é um rock pesado, mas com um apelo muito atual. Luanzinho, my boy, se afeta muito com toda a produção dessa canção e o incrível arranjo, que fez muito sucesso, inclusive, entre o pessoal da new wave. Estamos em 1985…

Seguindo, a minha banda imediatamente preferida após Daryl Hall & John Oates… Huey Lewis & The News têm coisas lindas, mas I WANT A NEW DRUG é uma clássica dos anos 80. Fez parte do multi-premiado álbum Sports e, por muito tempo, encerrou os shows da banda. Adoro o teclado e o sax dessa música. Nesse nosso módulo surge a boníssima remix do doze polegadas importado… I’m alone with you…

Depois temos uma música que dispensa muitos comentários! Simple Minds e uma remix pra ALIVE AND KICKING. Pa ra ra ra… Pa pa ra ra ra… Embarcamos em 1986. Enjoy!

Na sequência uma da banda Genesis de Phil Collins, que infestava as rádios do país no início da década de 80. THAT’S ALL era rock romântico e trazia uma essência muito particular daqueles anos. Todo mundo curtia os vocais de Phil e todo o arranjo bem datado da produção da banda. O pianinho é uma delícia… Estamos em 1984.

A sexta é mais uma canção dos Tears For Fears… Uma banda que marcou um monte de gerações e voltou na gravar recentemente. GOODNIGHT SONG, que entra nessa sequência, tem um belo solo de guitarra inicial que parece mais uma terapia sobre a vida de alguém que espera…

A sétima é outro exemplo de como a música produzida por Dan Hartman é boa. Tina Turner gravou THE BEST em seu disco de 1987. Nesse set, trazemos a special extended version. Pesada, mas muito harmônica… Como todo bom rock ‘n roll.

A oitava trilha é a deliciosíssima A MATTER OF TRUST de Billy Joel. Lançada em 1985, essa canção tem um clip muito divertido que rolou muito no programa Clip-Clip da tevê Globo. Vigor nesse estilo de música é mais que essencial.

Fechando essa sequência, uma das canções mais energéticas do pop… E que, por sorte do destino, é um explosivo rock… O ELO, de Jeff Lynne, tem uma produção riquíssima desde os anos 70… ROCK ‘N ROLL IS KING tocava demais e fez a alegria de muito marmanjo em 1983.

Sei que muitos de nós não escondem a admiração pelo bom e velho flash-back, mas o rock ‘n roll re-injeta um vigor extra pra essa segunda-feira preguiçosa. O bom da vida é ter vida pra viver…

ROCK ‘N ROLL IS BLOG

2 comentários sobre “A little rock ‘n roll… Yeeeaaaaah!

  1. Ed, fiquei alucinado com sua seleção de bom rock dos anos 80. Cara, curto música boa e concordo com você quando diz que rock é energia.
    Seu blog é um ‘colírio’ para os nossos ouvidos.
    Saudações musiacais.
    Danilo – Guaratinguetá, sp

  2. que maravilha poder ouvir todas essas músicas
    delirei e matei muitas saudades daquela época
    onde você consegue todas essas versões raras? me dá uma dica
    beijão

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s